domingo, 21 de junho de 2015

Sol Caranguejo





Sol em Câncer. O passado se torna referência para o presente e para o futuro.
Assim como os outros signos de água, o tempo é sempre difuso, existindo sempre o olhar para trás, seja para desejar que a situação não se repita, seja para desejar que a sensação agradável, sim, se repita.
Lembranças da infância, a ligação profunda com a família e com as próprias raízes: esses são dois traços muitíssimo cancerianos, que estarão presentes neste mês canceriano que começa hoje.
O que está por vir só faz sentido quando temos as memórias para nos apoiar e suportar.

Câncer é afável, sensível, emocional, permeável, mas de bobo não tem nada. Esse é um signo cardinal, que sabe muito bem o que quer, que expressa o que sente, que pelo e para o sentimento faz o que for preciso, tem impulso, é rápido. O ingresso do Sol está conjunto a Marte, portanto, esse lado mais assertivo de Câncer está mais aflorado ainda.

Com Saturno retrógrado em Escorpião novamente, agora é hora de olhar para trás com um olhar mais crítico, sem tanta nostalgia. É bom sempre lembrar que o que estamos vivendo hoje pode tanto virar uma boa quanto uma má lembrança, e vale a pena algum esforço no agora para que a tarefa de olhar para trás seja sempre mais agradável. Não deixe o passado tomar conta, saiba também enterrar as coisas bem fundo.